Lições de educação financeira – Confira as 5 melhores dicas!

Há pessoas que aprenderam sobre educação financeira dentro de casa. Porque antigamente, isso não era ensinado na escola. Agora já existem crianças que aprendem na escola. Mesmo assim, a educação familiar continua sendo importante. 

Entretanto, se uma criança aprende na escola e deixa de aprender em casa, com certeza o que ela aprendeu ou não em casa, acaba se tornando mais importante. Sendo assim não deixe de dar exemplos. Veja aqui 5 lições para você aprender e repassar para as crianças ou as pessoas que você gosta. 

  • Respeite seu dinheiro 

A lição número um é: Respeitar seu dinheiro. De que maneira? 

Fácil: Você deve ter ouvido por aí que o dinheiro não aceita descaso certo? Você tem parado para pensar quantos descasos você teve com seu dinheiro nas últimas semanas. 

Lições de educação financeira – Confira as 5 melhores dicas!
Lições de educação financeira – Confira as 5 melhores dicas!

Exemplo:  Quantas vezes você já comprou alguma coisa que se arrependeu logo depois? Com certeza é uma situação que ninguém gostaria de passar não é. 

Ou até mesmo fale quantas vezes você deixou de pechinchar por um desconto que poderia fazer uma grande diferença nas suas contas no final do mês. 

Da mesma forma, quando esquecemos de pagar a conta no prazo, com certeza iremos pagar multa por atraso. Além de ser uma falta de atenção, é também uma falta enorme de respeito com seu dinheiro. 

Como não citar aquela pessoa que anda a casa inteira, e por onde passa deixa uma luz acesa fazendo com que sua despesa com energia só aumente. Isso com certeza é mais uma maneira de jogar seu dinheiro no lixo. 

Lembrando que luz também é dinheiro.  

Sendo assim, o que aprendemos na lição número um é que você não deve fazer descaso do seu dinheiro entendido? 

Fique atento a maneira que você gasta seu dinheiro e quais são as atitudes adequadas para que você venha economizar seu dinheiro. Se você não economizar não conseguirá investir e claro não terá qualidade de vida. 

  • Tenha metas 

A lição número dois é a seguinte: é importante ter objetivos ou metas de curto médio ou longo prazo também. 

Você deve sempre manter o foco seja ele de curto médio ou longo prazo, por que dessa maneira será mais fácil saber onde você deve chegar. Manter o foco é o que irá te guiar todos os meses do ano. Por isso, deixando suas metas traçadas fica bem mais fácil. 

E se você não entendeu veja esse exemplo: desejo comprar um tênis no mês que vem, isso se torna uma meta de curto prazo. Outro, pretendo comprar um carro daqui três anos, essa é uma meta de médio prazo. Agora a de longo prazo seria: Eu pretendo comprar uma casa daqui 15 anos. 

  • De um passo para trás 

Veja a terceira dica para sua educação financeira: viva a vida, mas de uma maneira que você esteja sempre um degrau abaixo do que ela é. 

Resumindo fica dessa maneira: supondo que você ganha R$ 4 mil reais, e se você ganha 4 mil, você deverá viver com 3mil sendo que 1 mil reais que sobra é importante que você invista para poder ter uma vida melhor no futuro. 

Procure viver sempre abaixo do que você ganha, por que só assim você conseguirá poupar e investir para que tenha uma vida melhor e protegida no futuro. 

  • Entenda sobre educação financeira 

Na quarta dica, você precisa tirar no mínimo meia hora por semana para aprender educação financeira e não é necessário que seja tudo em um dia só. É possível aprender apenas 10 minutos por dia, como por exemplo lendo sobre alguma notícia de economia. 

Aprendendo no mínimo 5 minutos por dia e 10 no outro, quando chegar no fim de semana você terá concluído todas as horas. 

 Estudando meia hora de educação financeira em cada semana, não levará muito tempo para que você fique fera no assunto e com isso entenderá como fazer para sobrar mais dinheiro. 

  • Confira diferente preço de valor 

A dica número 5 é: É necessário conhecer a diferença de preço e valor. 

Essa lição é muito importante! Veja o exemplo: Vamos dizer que uma garrafa térmica custa R$ 2 mil reais, será que esse é o valor correto dela, ou esse valor está superfaturado. Fique atento preste muita atenção nisso. 

Ao comprar qualquer coisa você tem que ser consciente e não agir com a emoção, sendo assim devemos exigir da nossa mente uma avaliação consciente e não emocional. Deixe a parte sentimental para outro tipo de coisa. 

  • O mais importante na educação financeira é usar a cabeça.

Outro exemplo: Seu salário é de R$ 2,5 mil e você está planejando fazer uma viagem, mas está sem dinheiro no momento. De repente num passeio ao shopping vê um tênis lindo e não resiste, sendo que você já tem muitos. Entretanto não se importa e acaba pagando R$ 320 reais no tênis. 

Mesmo tendo muitos tênis na sua casa, você acaba parcelando a compra. No entanto o tênis não lhe fará falta, mas o dinheiro sim. Enfim será que você precisava fazer essa dívida sendo que o dinheiro da parcela poderia ser guardado para sua viagem? 

Por isso seja consciente! Não fique gastando seu dinheiro sem nenhum objetivo. Você tem que deixar de ter uma coisa para conquistar outra. Por isso fique atento: Gastar com coisas pequenas podem acabar te atrapalhando na hora de realizar seus sonhos! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *